O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   21 de Agosto de 2017
Publicidade

Joesley afirma que Temer pedia pagamentos desde 2010

O empresário relatou em sua delação premiada como conheceu o presidente Michel Temer e deu outros detalhes

19/05/2017 - 11h15

JB

O empresário Joesley Batista, dono Grupo JBS (Foto: Divulgação )

O empresário Joesley Batista, dono Grupo JBS, relatou em sua delação premiada como conheceu o presidente Michel Temer, e afirmou que desde 2010 vem atendendo a pedidos de pagamentos.


Os documentos foram entregues à Procuradoria-Geral da República e, em seu Anexo 9, com o título "Fatos diretamente corroborados por elementos especiais de prova Michel Temer", relata detalhes dos pagamentos.


"Em 2010, atendendo a um primeiro pedido de Temer, JB concordou em pagar 3 milhões de reais em propinas sendo, 1 milhão através de doação oficial, e 2 milhões para a empresa Pública Comunicações, através de Notas Fiscais número 149 e 155."


"Em agosto e setembro de 2010, a pedido de Temer, JB também concordou com o pagamento de uma propina de 240 mil reais à empresa Ilha Produções, NF 63, 64 e 65".


"JB esteve com Temer em múltiplas ocasiões, não menos que 20 vezes, ora nesse escritório, ora em seu escritório de advocacia, ora na residência de Temer, ora ainda no Palácio do Jaburu."

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Publicidade
Mais em Política
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS