O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   23 de Novembro de 2017
Publicidade

Reinaldo anuncia novos investimentos para Campo Grande na segunda-feira

Evento na Câmara dos Vereadores oficializará parceria de obras emblemáticas para a Capital

31/08/2017 - 15h43

Campo Grande

Marquinhos cumprimenta Reinaldo em evento (Foto: Chico Ribeiro)

Solenidade na Câmara de Vereadores na segunda-feira (4) irá oficializar mais uma etapa na parceria do Governo do Estado com a prefeitura para alavancar obras de infraestrutura em Campo Grande. O evento será às 18h no plenário Oliva Enciso. 


Na ocasião, o governador Reinaldo Azambuja irá oficializar o repasse estadual de R$ 15 milhões à administração municipal que serão usados para destravar R$ 180 milhões em obras emblemáticas para a Capital.


A parceria foi firmada atendendo a reivindicação dos vereadores e viabilizada em mais uma etapa do programa Juntos Por Campo Grande. Desde o início do ano, o programa tem resultado em uma série de investimentos de infraestrutura. Entre eles, a recuperação de vias com a execução do serviço de tapa-buraco, que recebeu R$ 10 milhões dos cofres estaduais e outros R$ 10 milhões do município.


Desta vez, a parceria irá contar também com recursos federais e terá 28 frentes de obras. “Nós estaremos juntos na Câmara Municipal com todos os vereadores, que fizeram ampla reivindicação tanto ao prefeito quanto ao governo para um projeto de parceria do Governo do Estado com a Prefeitura para pavimentar bairros, recapear ruas, fazer uma melhoria na infraestrutura urbana”, explicou o governador Reinaldo Azambuja.


“A gente achou uma equação com os governos federal, estadual e municipal que fortalece mais essa parceria para podermos investir mais na Capital, fortalecer a presença do Juntos Por Campo Grande melhorando a vida dos campo-grandenses”, destacou.


Convênios


Os extratos dos convênios com a administração municipal foram publicados no Diário Oficial do Estado na semana passada e o ato de lançamento das obras estava previsto para o dia 22 de agosto, mas foi cancelado em virtude do luto oficial decretado devido ao falecimento do ex-governador Pedro Pedrossian.


Nesta primeira etapa, a contrapartida do Estado será de R$ 15 milhões para destravar as obras que somam R$ 180.312.539,29 em investimentos. Ao todo, a contrapartida estadual deve ser de pelo menos R$ 60 milhões com outras três etapas, que serão repassadas à prefeitura de acordo com a liberação dos recursos previstos pelo Governo Federal.


Entre os projetos incluídos nessa fase está o manejo de águas pluviais no rio Anhanduí e obras de infraestrutura no entorno do córrego Bálsamo e nos bairros Nova Lima, Atlântico Sul, São Francisco, Bellinate, Jardim Seminário, Mata do Jacinto, Sírio Libanês e Vila Nasser. As obras incluem também a implantação de corredores de transporte em grandes avenidas da Capital – como Calógeras, Gury Marques – e rua Bahia.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Publicidade
Mais em Municípios
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS