O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   26 de Setembro de 2017
Publicidade

Thiago e Vinicius largam na frente, e Rueda quer trio móvel no ataque do Fla

Técnico monta time com jovem goleiro e atacante, que pinta como favorito para atuar ao lado de Berrío e Everton no setor ofensivo. 

06/09/2017 - 14h59

Globo Esporte

Cheio de mistério, mas com ideias se fechando. É o status do Flamengo de Reinaldo Rueda para o primeiro jogo da decisão contra o Cruzeiro, nesta quinta-feira, às 21h45, no Maracanã. O colombiano testou nos treinos ao longo da semana uma nova opção para a ausência de Guerrero, suspenso. Everton foi trocado de posição nos treinamentos, ora atuando como referência, ora voltando para compor um meio de campo ao lado de Diego.


Vinicius treinou entre os titulares e é o favorito para jogar ao lado de Berrío e Everton na frente, compondo o setor ofensivo com Diego, que fica um pouco atrás do trio. No gol, Thiago sai na frente de Alex Muralha. O jovem goleiro rubro-negro também é o mais cotado de Rueda.


Um dos testados anteriormente pelo treinador, Lucas Paquetá vai ficar como opção no banco. Vinicius Júnior fica entre os titulares aberto na esquerda, com Berrío na direita.


A possibilidade de ter o colombiano também improvisado de centroavante é considerada por Rueda, que já usou o compatriota desta maneira no Nacional de Medellín. Substituto direto de Guerrero na posição, Vizeu se lesionou e está em tratamento.


- Pensamos essa situação com o Berrío, que jogou em um ou dois jogos como centroavante no Atlético Nacional. Uma vez entrou como centroavante e na outra virou centroavante durante o jogo. Jogamos a final da Libertadores com o Berrío de centroavante. É outra possibilidade que temos, por suas características. Todos estão muito dispostos: Vinicius, Everton e Orlando - disse Rueda.


O jovem Lincoln, que treinou entre os profissionais esta semana, terminou fora da lista de relacionados. Outra novidade é Conca, que volta ao banco de reservas.

Everton Flamengo no treino do Flamengo (Foto: Divulgação)

Muralha ganha força de Rueda


Apesar do apoio de Rueda, Muralha deve mesmo ficar no banco. Thiago começou atuando com os titulares em boa parte dos treinamentos. Muralha tem conversado bastante com a comissão técnica e com funcionários do departamento de psicologia do Flamengo.


- Muralha é um jogador muito maduro, inteligente, equilibrado, e tem assumido sua responsabilidade diante da equipe. Tem trabalhado muito bem, não perdeu a alegria. Não é uma decisão fácil. É uma decisão que atende vários pontos, sociológicos, psicológicos, da torcida. Por isso, temos de fazer uma análise buscando o melhor para a equipe. A situação não é fácil. Nosso psicólogo está trabalhando com os goleiros - explicou Rueda.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Publicidade
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS