O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   20 de Julho de 2024
Publicidade

Deputada do PT põe a língua para colega do PL em sessão na Câmara Federal

Carol Dartora (PR) afirmou que gesto para o Coronel Chrisóstomo (RO) ocorreu “no calor do momento” da discussão sobre o PL do Aborto

20/06/2024 - 13h46

São Paulo 

Com CNN

Carol Dartora (PT-PR) mostra a língua para o Coronel Chrisóstomo (PL-RO) em sessão na Câmara (Foto: Reprodução/Câmara dos Deputados)

A deputada federal Carol Dartora (PT-PR) mostrou a língua para o também deputado Coronel Chrisóstomo (PL-RO) durante sessão da Câmara na quarta-feira (19).


No momento do ocorrido, o deputado rondoniense discursava na tribuna da Casa sobre o Projeto de Lei 1.904/2024 – o PL do Aborto.


“Falo para a mulher portadora de útero, porque tem várias mulheres que não têm útero. Que eram homens, passaram a ser mulher. Não têm útero. Essa mulher tem que defender também o PL 1.904/2024. Portanto, senhores, aquela que sabe o valor de uma vida gerada dentro de si em decorrência de estupro, a vítima não precisa ficar com o bebê”, declarava Chrisóstomo.


Nesse momento, segundo as imagens da sessão de ontem, Dartora se aproxima do colega, que não percebe sua presença ali, e mostra a língua.


Em nota, Dartora, eleita para a Câmara em 2022, informou que o gesto “foi ocasionado pelo calor do embate sobre o Projeto de Lei 1.904/2024”.


A parlamentar acusou o colega de disseminar “fake news, ódio e violência contra os corpos femininos”. “Infelizmente, no calor do momento, reagi em protesto”.


Já nas redes sociais, Chrisóstomo, que está em seu segundo mandato na Câmara, condenou a postura da deputada e afirmou que tomará providências.


“É inadmissível esse tipo de atitude dentro desta Casa. Total falta de respeito. Agora, imagina se fosse o contrário, o quanto eles estariam gritando. Por muito menos eles me representariam. Tomarei providências!”, escreveu o deputado.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Política
Colunistas
Ampla Visão
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online