O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   21 de Novembro de 2017
Publicidade

STF decide hoje se impede Janot de apresentar nova denúncia contra Temer

Defesa do presidente alega perseguição pessoal por parte do procurador-geral. 

13/09/2017 - 08h55

De Brasília 

Montagem mostra Janot (esq.) e o presidente Michel Temer (dir.) (Foto: Divulgação )

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidirá nesta quarta-feira (13) se impede o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de oferecer nova denúncia contra o presidente Michel Temer.


A Corte também deverá decidir nesta quarta se afasta Janot dos processos nos quais Temer é investigado e, ainda, se as provas entregues por delatores da J&F contra o presidente são válidas.


A decisão sobre esses três temas caberá aos 11 ministros que integram o plenário da Corte. A sessão está marcada para as 14h.


No mês passado, a defesa de Temer pediu ao Supremo que declare Janot suspeito e o retire das investigações relacionadas ao presidente. A argumentação é que o procurador-geral tem "ideia fixa" de acusar Temer, se deixou "tomar por uma questão única, obstinada" e, "teimosamente", tenta destituir o presidente.


Temer foi denunciado por corrupção passiva em junho deste ano, com base nas delações dos executivos da J&F. Mas o Supremo só poderia analisar o caso se a Câmara dos Deputados autorizasse. A maioria dos deputados, porém, rejeitou o prosseguimento do processo.


A expectativa no mundo político é que Janot oferecerá nova denúncia contra Temer nos próximos dias, por obstrução da Justiça e organização criminosa, também com base nas delações da J&F e do operador financeiro Lúcio Funaro.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Publicidade
Mais em Política
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS