O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   14 de Dezembro de 2017
Publicidade

Mercedes é soberana e Bottas vence em Abu Dhabi; Massa é décimo

A disputa foi marcada por duelo entre Hamilton e Bottas 

26/11/2017 - 12h17

Gazeta Esportiva 

A disputa foi marcada por duelo entre Hamilton e Bottas (Foto: AFP)

A última prova da temporada 2017 de Fórmula 1 teve vitória do finlandês Valtteri Bottas, neste domingo, no Grande Prêmio de Abu Dhabi. O piloto travou batalha intensa com o britânico Lewis Hamilton, mas conseguiu levar a melhor em cima do campeão deste ano. Durante todo o embate, a Mercedes se manteve soberana no circuito. Desde a entrada na pista, o que se viu foi um desempenho constante e a busca por um melhor trajeto dos dois pilotos da escuderia alemã, em Yas Marina. Vencedor na Rússia e na Áustria, Bottas subiu no lugar mais alto do pódio pela terceira vez.


Apesar do título da temporada já ter sido definido, o britânico não se acomodou e fez 3.899 segundos a mais que o número um do dia. Em confronto constante, o piloto acompanhou o alemão Sebastian Vettel do retrovisor, que ficou entre os três primeiros durante a corrida e subiu ao pódio, 19.330 atrás de Bottas.


Com boa saída, os seis primeiros colocados do grid mantiveram suas posições ao longo das primeiras voltas.  Todos os pilotos largaram com pneus ultra-macios, exceto pelo sueco Marcus Ericsson, o neozelandês Brendon Hartley e o alemão Pascal Wehrlein, que começaram com super-macios. Ainda na primeira volta, o mexicano Sérgio Perez e o alemão Nico Hulkengerg se enfrentaram e saíram da pista. Ambos continuaram na disputa sem problemas.


Na 22ª volta, Bottas fez seu pit stop e Hamilton conquistou seu melhor tempo até então, abrindo vantagem. Apesar de ter feito pausa rápida na 25ª etapa, quando parou, Hamilton foi superado por Bottas, que reassumiu a liderança.


O australiano Daniel Ricciardo não concluiu a prova porque, na volta número 21, teve problemas hidráulicos e abandonou a disputa. Quem também deixou a pista foi o espanhol Carlos Sainz, que saiu do pit stop com as rodas soltas e não conseguiu prosseguir.


Massa é décimo em sua despedida — Largando na décima colocação em seu adeus da F1, Felipe Massa fez grande duelo com Fernando Alonso para se manter na posição. No cockpit de sua Williams, o brasileiro viu o rival em sua cola ao longo do percurso. Massa parou na 23ª volta, quando foi superado por Alonso, que permaneceu à frente, na nona posição, até o fim corrida. Massa terminou agradecendo: “Muito obrigado, amo vocês, obrigado”.


Aos 35 anos, o paulista participou de 268 grandes prêmios e ficou entre os três primeiros colocados 41 vezes. Das subidas ao pódio, 11 foram no lugar mais alto. Em suas 15 temporadas, as sextas colocações gerais, obtidas em 2010, 2011 e 2015, são as melhores marcas do brasileiro.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Publicidade
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS